Blog

“À Procura da Felicidade”: 3 lições de sucesso profissional
Aprimorha, Carreira, Comportamento, Currículo, Mentoria de Carreira

“À Procura da Felicidade”: 3 lições de sucesso profissional

Mais do que tocar o emocional, os filmes carregam mensagens subliminares que podem potencializar os sonhos. É o caso de “À Procura da Felicidade”, que levanta reflexões fundamentais para 1º de maio, Dia do Trabalho. Interpretado por Will Smith, o longa traz a história real e de superação de Chris Gardner, homem que na década de 80 trabalhava com venda de equipamentos médicos e viu sua vida de cabeça para baixo por ser um negócio sem futuro, do qual ele havia investido todo seu dinheiro. Abandonado pela esposa e despejado de sua casa junto com o filho pequeno, durante a trama Chris dorme em abrigos de sem-teto, bancos de praças, metros e até banheiros públicos. Com determinação, resiliência e persistência, o protagonista dá a volta por cima e torna-se corretor da bolsa de valores. Mas, há uma cena emblemática que ensina três lições fundamentais para o sucesso profissional. Assista a cena!

 

A cena

Ao ser recolocado profissionalmente, Chris tem a oportunidade de assumir uma cadeira de corretor na Bolsa de Valores e, para não perder um só segundo de trabalho e conquistar seus gestores, ele resolve que não tirará mais o telefone do ouvido, porque dessa forma, ele pouparia 8 minutos por dia. Assim, sairia na frente dos outros concorrentes para ficar com a vaga! Mas, o que isso nos ensina? Anote três lições para ter sucesso profissional!

1)Ter autoconhecimento - No filme, Chris se autoconhecia. Ele sabia exatamente o que queria, onde desejava chegar e, acima de tudo, que tinha fôlego para ir em busca disso.

2)Ter resiliência – O termo vem da física, mas totalmente aplicável nas áreas comportamentais. Ele representa a capacidade de cair e se levantar. Quantas vezes for necessário. E Chris é o exemplo clássico dessa competência.

3)Ser humilde – Reconhecer limitações, ser modesto, simples e consciente é uma das principais lições que o filme nos deixa. A ausência de arrogância é essencial para te levar longe!

Por isso, às vezes reclamamos do trabalho que temos e nos esquecemos de agradecer e batalhar por ele. E, quando não se está satisfeito, é fundamental construir relações internas melhores e pleitear um crescimento e equilíbrio profissional. Reclamar não é a chave para o sucesso. A ação é!

 

Deixe seu comentário aqui